O Hapkido é uma luta original da Coréia, que possui cerca de 4300 anos. Naquela época, era apenas praticado por nobres e pelas guardas especiais do imperador.

Em 2500 a.c., quando as pessoas começavam a existência em grupos, já existiam sinais de luta. Naquele tempo, é claro, não havia propriamente a luta, mas sim uma espécie de defesa pessoal intuitiva necessária para sobrevivência, como por exemplo, a necessidade de melhor defender-se e contra-atacar, tanto individualmente como para a proteção do grupo. Isso pode ser constatado pelos sinais deixados em certas cavernas da China e da Coréia.

Os Primórdios do Hapkido

Antigamente a região da Coréia era dividida em três partes, entre elas a Sin-La que era a mais adiantada das três, e por onde começou uma infiltração cultural de origem budista. O Sin-La era liderado pelo general Kim Yu Sin, que formou um grupo Hwarang Do que tinha a finalidade de unir as três partes.
O Hwarang Do era um grupo de jovens doutrinados em artes marciais, com a finalidade de conseguir essa união. Tinham como lema:

1 – Amar a Pátria

2 – Respeitar os Pais

3 – Confraternização Mútua

4 – Ajudar os Fracos

5 – Não recusar um só passo na Luta.

Esse modo de pensar foi  responsável pelo engrandecimento da civilização Sin La durante mil anos. Isso chegou ao nosso conhecimento através do livro Sam Kuk Saki. Começa aí o império Korio. Naquela época haviam diversas espécies de artes marciais que eram ensinadas nos exércitos:

Hapki  – Geral
Yu Sul – Tipo de Judo
Yo Do – Tipo de Judo
Su Bak – Uso das Mãos
Kum Do – Esgrima
Tea Kium – Tipo de Karate
Kwon Bak – Tipo de Karate
Kak Hi – Tipo de Karate
Sang Bak – Tipo de Sumo

Eram promovidos concursos nas festas tornando as lutas mais populares. Os trajes atualmente usados para várias lutas orientais são uma cópia dos trajes comuns na época. Hoje as faixas representam os graus de aprendizado, porém na época representavam as várias classes sociais.

Passados mais de 500 anos o general Li Sung Kye  fundou Yi Jo, tomando o lugar do império Korio. Mandou confinar todos os praticantes de artes marciais, exceção feita aos intelectuais. Em conseqüência disso, os conhecedores dessas lutas foram se esconder nas montanhas, hora escapando, hora morrendo.

Mas somente o Hapkido continuou (guerra contra o Japão durante 7 anos), nessa batalha, as pessoas conhecedoras do Hapkido, entre elas o Grão Mestre Su San Dae As e seu discípulo Sa Myoung Dang, saíram das montanhas e massacraram os inimigos.

Depois da Primeira Guerra Mundial foi criada a R.O.K. (Republic of Korea) na qual o Hapkido foi adotado para o treino da guarda pessoal do presidente da república. Após a Segunda Guerra Mundial, o Hapkido era uma luta nobre, e somente nessa época passou a ser conhecida pelo povo.

O Hapkido na Atualidade

O nome Hapkido:

HAP – Conjunto, Harmonia

KI – Energia, Força da Mente

DO – Caminho, Doutrina

O Hapkido possue 3876 golpes, que incluem chutes, saltos, socos, torções, balões e projeções.

A Hierarquia das Faixas

8º a 7º Gub – Faixa Amarela
Aprendendo a cair, chutar, defesa pessoal em geral utilizando chutes, socos, torções, balões, podendo defender-se em qualquer circunstância. Defesa de golpes de Judô.

6º a 4º Gub – Faixa Azul
Defesa de Socos e de golpes de Karatê.

3º a 2º Gub – Faixa Vermelha
Defesa de chutes de lado e no rosto, chutes especiais, defesa de judô, estrangulamentos, defesas de ataques de facas, assim aprendendo cerca de 800 golpes.

1 º Dan em Diante – Faixa Preta.

1º Dan
Defesa de todos os golpes das fases anteriores.

2º Dan
Golpes de bastão pequeno (Dan Bong), ataques e defesas de 1º Dan.

3º Dan
Golpes de bastões grande (Jang Bong), guarda costas, de pessoas indefesas e autoridades contra vários adversários.

4º Dan
Golpes simultâneos em cadeia, defesa contra 3º Dan, golpes com espadas grandes e pequenas, golpe com toalha/faixas, golpes de bengala, técnicas de tratamento urgente através de massagem.

5º Dan
Golpes de duas espadas, técnicas de matar e tratar com os dedos, aprendendo 365 pontos mortais do homem, golpes de concentração, técnicas com cordas, defesa contra 4º Dan.

6º Dan
Ortopedia, Won Dang Sul, defesa contra 5º Dan.

7º Dan
Cha Ryuk, espécie de concentração, tomando-se emprestada a força do universo e meio ambiente. Técnico em Acupuntura.

8º a 10º Dan
Estudam-se novos golpes e aumento do poder das concentrações mais profundas.

O Hapkido possue esses inúmeros golpes, mas eles não são difíceis de aprender, podendo ser praticado pelas crianças e adultos de ambos os sexos.

O Hapkido no Brasil

No dia 6 de março de 1962, chegou ao Brasil o Grão Mestre Coreano, Park Sung Jae, 8º Dan de Hapkido.  Ele foi enviado pela federação para difundir essa modalidade esportiva até então desconhecida na América Latina.

Isso foi possível graças à ajuda do coronel Paulo da Silva Freitas (patrono do Hapkido no Brasil). Um monumento foi erguido ao Hapkido no local. Atualmente o Grão Mestre dá aulas a outros Mestres na cidade de São Paulo.

No dia 27 de outubro de 1973 foi inaugurada a academia central (hoje desfeita). Também foi inaugurada na época a Federação Paulista de Hapkido, que continua existindo até os dias de hoje.